in ,

Nova Odessa disputa o Jori em 11 modalidades com 60 participantes

Nova Odessa disputa o Jori em 11 modalidades com 60 participantes

Nova Odessa disputa o Jori em 11 modalidades com 60 participantes

A delegação da Melhor Idade de Nova Odessa participa, por mais um ano, dos Jogos Regionais do Idoso (Jori). A etapa regional da competição estadual é realizada em Americana, entre os dias 31 de maio e 4 de junho. O Município disputa a 21ª edição do Jori com 60 membros em sua equipe, entre atletas e comissão técnica, competindo em 11 das 14 modalidades disponíveis.

A primeira-dama e presidente do Fundo Social de Nova Odessa, Andréa Souza, participou na quinta-feira (31) da solenidade de abertura do evento, acompanhada da vereadora e presidente da Câmara, Carla Lucena. Em companhia da delegação novaodessense, assistiram à cerimônia conduzida pela primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade do Estado, Lu Alckmin.

A abertura dos Jogos foi realizada no Ginásio de Esportes “Roberto Polatti”, no bairro Antônio Zanaga, contando com a presença de aproximadamente 3 mil pessoas. Além de Lu Alckmin, esteve presente o secretário estadual de Esportes, Paulo Gustavo Maiurino. “O esporte é importantíssimo para a manutenção da boa saúde”, ressaltou o dirigente, que na ocasião representou o governador Geraldo Alckmin.

Ao todo, 2.300 atletas disputam por 43 municípios a etapa regional do Jori. “Somente quem valoriza o passado tem perspectivas de sucesso para o futuro”, destacou Lu Alckmin. A presidente do Fundo Social de Nova Odessa, Andréa Souza, cita a importância além do esporte. “A integração dos idosos e a ideia de superar os próprios limites, com saúde e qualidade de vida, é o essencial do evento”, destaca.

Modalidades – A Melhor Idade novaodessense compete em bocha, buraco (masculino e feminino), coreografia, damas (masculino e feminino), dominó (masculino e feminino), malha, natação (masculino), truco, tênis de mesa (60 e 70 anos), vôlei adaptado (masculino e feminino 60 anos) e xadrez (feminino). Ou seja, disputa em 11 das 14 modalidades possíveis.

De acordo com a professora Carine Piveta, que integra a delegação do Município, a perspectiva é positiva para o evento. “A expectativa é mais uma vez obtermos bons resultados, principalmente nas modalidades em que somos fortes, como dama, dominó, natação e vôlei”, cita. No ano passado, Nova Odessa ficou em 9º lugar dentre 35 cidades desta que é a 4ª Região Esportiva do Estado de São Paulo.

A competição é realizada desde 1995 através de parceria entre a Secretaria Estadual de Esporte, Lazer e Juventude com o Fundo Social de Solidariedade. São 14 modalidades disputadas entre atletas de ambos os gêneros com, no mínimo, 60 anos de idade: atletismo, bocha, buraco, coreografia, damas, dança de salão, dominó, malha, natação, truco, tênis, tênis de mesa, voleibol adaptado e xadrez.

O objetivo principal é proporcionar aos participantes a socialização, integração e participação no evento, competindo saudavelmente entre si, buscando a superação. Somadas as oito Regiões Esportivas do Estado (Americana, Bebedouro, Itapetininga, Lins, Marília, Praia Grande, São Sebastião e Votuporanga), participaram do Jori no ano passado 14 mil pessoas, incluindo atletas, árbitros, técnicos e equipes de apoio.